É nosso cliente? Avalie-nos!

O “trabalho invisível” que o empresário muitas vezes não vê

Este texto esclarece as atribuições e a importância de fazer contabilidade – trabalho que muitas vezes passa despercebido por gestores. 

Minha empresa é obrigada a fazer contabilidade?

Sim, o próprio Código Civil obriga as empresas de escriturar todas as suas operações financeiras nos respectivos livros (hoje digitais). Alguns motivos para fazer contabilidade são: 

  1. Acompanhar evoluções de Resultado e Patrimônio, premissas básicas para uma gestão adequada. Ter informações precisas sobre como está a saúde da empresa é essencial para a tomada de decisões. 
  2. Terceiros também precisam dessas informações, como governos, que obrigam a empresa a prestar contas através das diversas declarações que o contador entrega. Bancos avaliam essas informações para liberar crédito e definir taxa de juros – quanto mais real a contabilidade estiver, melhor as taxas. 
  3. Dissidências societárias, ou seja, divergências que porventura surjam entre os sócios, poderão ser objeto de perícia para apuração de direitos e responsabilidades. Ausência de contabilidade inviabiliza a realização do procedimento contável e pode levar os responsáveis a responder judicialmente pelas omissões. 
  4. Facilidade na participação em licitações e em prova judicial
  5. Saber o valor mínimo da empresa para eventual venda de quotas ou empresa
  6. Distribuir lucros de forma mais exata aos sócios
  7. Estar amparado perante possíveis fiscalizações
  8. Ter dados corretos para cálculo de preço de custo e venda
  9. Fazer um planejamento tributário completo e pagar, dentro da lei, menos impostos. 

Obviamente, uma empresa que deixa de fazer contabilidade, ou faz de forma incompleta, sem enviar todos os documentos e informações para seu contador, perde estes benefícios e fica sujeita a penalidades. 

Preciso contratar um escritório de contabilidade?

Respondemos essa pergunta com uma série de outros questionamentos, para refletir sobre a necessidade de fazer contabilidade.

  • Quem você procura quando pretende abrir uma empresa? Quem orienta elabora o Contrato Social e faz os registros nos órgãos obrigatórios?
  • Quem acompanha e estuda diariamente uma enxurrada de novas leis e a alteração delas para poder te orientar?
  • … Está fazendo e controlando as suspensões e reduções da carga horária dos contratos de trabalho dos seus empregados?
  • … Faz o parcelamento de qualquer imposto, lhe envia mensalmente a guia, e faz o controle caso sua empresa fique irregular? 
  • … Controla e renova seus Alvarás Municipais?
  • … Gera a folha de pagamento – recibos, impostos, controla vencimento de férias, contratos de experiência, enfim, tudo pertinente ao vínculo trabalhista), mesmo tendo somente pro labore de sócios?
  • … Lhe orienta sobre como preencher corretamente uma nota fiscal para emissão e vendas?
  • … Lhe orienta quanto ao cadastramento correto dos códigos tributários dos produtos/mercadorias em seu sistema? 
  • … Lhe ajuda na junta de documentos quando você precisa solicitar ao banco um empréstimo ou financiamento? 
  • … Atenta para o envio correto das informações e documentos a terceiros? 
  • … Mantém em dia todas as declarações que o governo exige, e que geram multa se não forem feitas em tempo hábil?
  • Quem está 8 horas por dia, 5 dias da semana, sempre disposto a lhe ajudar mesmo em questões que não fazem parte do contrato de prestação de serviços? 

Imagina ter que contratar um funcionário próprio, ou mais de um, para fazer tudo isso? Não existe essa pessoa. E se existisse, o valor seria algumas vezes maior do que o pagamento para fazer contabilidade com um escritório.

Se existem outros contadores cobrando um valor muito inferior, desconfie! Ninguém faz “milagre” e o barato pode sair caro depois. 

Sua empresa não está vendendo, e não tem empregados, ou se tem, estão com os trabalhos suspensos. O que o contador faz? Ele não faz nada?

Errado! Ele está trabalhando. É ele quem sim gera a folha de pagamento, mesmo sem funcionários, porque é obrigatório. É ele quem transmite as diversas declarações mesmo sem movimento, pois se não entregues nas datas estipuladas pelo Governo, gera multas altas. É ele quem mantém a escrituração fiscal e contábil em dia.

O Contador é o único profissional regulamentado e autorizado a fazer a escrituração contábil, assim como o médico é quem cuida da sua saúde, advogado de problemas judiciais etc. 

Quais os direitos, deveres e responsabilidades minha e do meu contador? Estão estão descritas no contrato de prestação de serviço e resumem-se em basicamente em o empresário enviar todas as informações e documentos em tempo hábil para o contador poder executar e entregar ao cliente o que está descrito no contrato com zelo.

Não somos invisíveis, somos ESSENCIAIS. Valorize seu contador