É nosso cliente? Avalie-nos!

Cadeira de rodas pode ser controlada com o rosto

Por 20 de outubro de 2011Outras Notícias

As cadeiras de rodas elétricas aumentam drasticamente a independência de pessoas que perderam o movimento das pernas. O joystick comumente empregado nelas, no entato, ainda é um empecilho para as vítimas de lesões mais graves, que acabaram ficando tetraplégicas. Pensando nisso, pesquisadores da Universidade de Miyazaki, no Japão, criaram uma cadeiraque pode se mover por meio de detecção de movimentos faciais.

Há diversas iniciativas para atender a pessoas necessitadas. No entanto, um dispositivo desses, que permite a movimentação de alguém que não consegue mover nenhum músculo abaixo do pescoço, é um grande passo. Para que o sistema funcione, eletrodos são inseridos no rosto do usuário e, então, conectados a um computador, responsável por realizar os movimentos de acordo com o comando.

As possibilidades são muitas. Piscar o olho esquerdo, por exemplo, faz a cadeira se virar para a esquerda. Cerrar os dentes faz com que ela pare. Além disso, há uma câmera na parte de cima, que detecta a proximidade de objetos. Enquanto não houver nada perto, a cadeira se movimenta um pouco mais rápido. Se algum obstáculo estiver próximo, a velocidade é diminuída. Prevendo um impacto com algum objeto, o dispositivo deixa de se movimentar.

Os pesquisadores pretendem lançar no futuro o sistema com o uso de óculos especiais. Eles funcionariam em um sistema Wi-Fi. Ou seja, seria mais prático de utilizar, sem que todos aqueles eletrodos precisassem ser conectados ao rosto do usuário.