É nosso cliente? Avalie-nos!

Recorde de apreensões em Foz do Iguaçu

Por 18 de julho de 2011Contábil/Fiscal

Receita registra recorde de apreensões em Foz do Iguaçu.

O valor que ultrapassa US$ 64 milhões, é um aumento de 31% em relação ao primeiro semestre de 2010

As apreensões da Delegacia da Receita Federal do Brasil, em Foz do Iguaçu, no primeiro semestre de 2011, já chegam a US$ 64,7 milhões em mercadorias e veículos. Verifica-se um aumento de 31% em relação a 2010.

O valor mais significativo em apreensões foi de veículos, superando US$ 22,4 milhões.

Já em termos percentuais, os eletrônicos registraram o maior aumento no valor das apreensões. Comparado com o mesmo período de 2010, constata-se um aumento de 59%, superando US$ 15,6 milhões.

Outro item que também se destacou em relação ao primeiro semestre de 2010 foi ‘relógios’ com incremento de 48%.

Apreensões no mês de junho/2011

As apreensões no mês de junho totalizaram US$ 9,4 milhões, registrando-se um aumento de 22% em relação a junho de 2010.

Os produtos que apresentaram o maior crescimento percentual, em comparação com junho/2010, foram eletrônicos (crescimento de 54%) e cigarros (incremento de 41%), com cifras de US$ 2,04 milhões e US$ 862 mil, respectivamente.

Em valores absolutos, a apreensão de veículos somou US$ 3,84 milhões, sendo este o item mais representativo. No mês de junho foram apreendidas 259 unidades (entre automóveis, utilitários, ônibus, caminhões e motocicletas), o que resulta numa média de aproximadamente 9 apreensões por dia.

Além das mercadorias e veículos, foram apreendidos, no mês de junho/2011, os seguintes quantitativos de drogas, armas e munição:

  • Maconha                        234,58 Kg
  • Crack                               2,50 Kg
  • Haxixe                            920 gramas
  • Munição                         55 projéteis
  • Armas                             2 unidades

Fonte: Receita Federal do Brasil