É nosso cliente? Avalie-nos!

Relatório de Tendências para Empreendedores e Empresários

A nossa cliente e parceira Loupe Brands & co produziu um relatório de tendências para os empreendedores com base no resultado de anos de experiência, estudo e repertório da empresa, além das mudanças que estamos vivendo por conta do Covid-19. A pandemia mudou o comportamento das pessoas em vários aspectos e é hora de repensar alguns métodos.

O comportamento humano está sempre mudando. Esse relatório traz percepções que podem ser possíveis nos dias de hoje, mas que podem mudar com o passar do tempo e com as situações que vão acontecendo na vida das pessoas e no mundo. “É uma aproximação, é o mapeamento das possibilidades para se estar atento. É unir pontos para, dentro de cada realidade, se preparar aos movimentos e assim, facilitar as tomadas de decisões”. 

A dica geral do relatório é rever os princípios da sua empresa. Porque ela existe? Qual a visão, missão e valores? Porque você começou o negócio? Em momentos difíceis, é importante lembrar-se do porque você faz o que faz, porque gosta disso e porque escolheu o seu ramo de negócio. Com essas respostas é mais fácil agir e pensar no curto, médio e longo prazo.

Confira mais algumas ideias do relatório:

Coletivo, empatia e comunidade

Nós, assim como nossas empresas, precisamos agir mais como coletivos. O Covid-19 potencializou uma tendência que já era analisada por outras pesquisas: a necessidade de pensar no outro para além do bem-estar pessoal. Você pode começar pelas pessoas e empresas que estão próximos de você. A pandemia também reforçou esse relacionamento com os vizinhos, seja com base na localização ou segmento.

A era do serviço

Temos no mercado hoje diversas opções de produtos e bastante concorrência nesses setores. Por essa razão, as pessoas irão buscar cada vez mais experiências e não coisas, ou seja, teremos mais oportunidades na oferta de serviços. Elas irão querer ter experiências e não coisas.

Mudanças na carga horária de serviço

As conversas sobre mudanças na carga horária de serviços já são notadas a algum tempo. Há um questionamento em relação às tradicionais cargas de trabalho que partem da ideia de que as máquinas irão substituir a mão de obra humana e de estudos que comprovam que trabalhar menos aumenta a produtividade. São questões que precisam ser pensadas e refletidas para não sermos pegos de surpresa lá na frente.

Propósito real

Uma empresa, hoje, precisa pensar além do lucro. E aqui voltamos para a dica geral do começo desse texto: qual o propósito real da sua empresa? “A pandemia evidenciou quem tinha uma razão de existir além do lucro real. Evidenciou que, não só valorizamos, mas que vamos exigir das marcas qual a contribuição delas para com a sociedade”.

Esses são alguns insights que podem ser pensados para a sua empresa. Você tem acesso ao pdf completo clicando aqui. Leia ele pensando em como cada estratégia pode funcionar para a realidade do seu negócio. Se necessário, adapte para suprir as necessidade do presente e do futuro da sua empresa.